O sujeito órfico no Livro de Memórias, de Teixeira de Pascoaes: lembrança, desejo e saudade

  • Jorge Filipe Ressurreição Centro de Estudos Clássicos da Universidade de Lisboa
Palavras-chave: lembrança, memória, saudade, presentificación, Orfeu, Teixeira de Pascoaes

Resumo

O Livro de memórias, de Teixeira de Pascoaes, retrata um mundo, o do narrador, povoado de lembranças que se presentificam constantemente por serem parte integrante daquele que narra. Para isso, o autor usa vários processos retóricos que o auxiliam na sua acção de evocar o passado. Contudo, mais do que simplesmente evocar, o sujeito pretende retirar das amarras do passado as imagens que compõem a sua memória e trazê-las de novo para junto de si, “dissipa[r] as trevas do tempo e ressuscita[r] os mortos”, como diz o próprio. Deste modo, propomo-nos atentar no sujeito do primeiro capítulo do Livro de memórias como um sujeito órfico, que, pela escrita, pretende trazer a sua Eurídice — isto é, a sua infância ou as imagens que a compõem — de volta ao tempo presente, resgatando-a do passado (o Inferno). A aproximação do sujeito do Livro de memórias à personagem mítica de Orfeu pretende ser um contributo para o entendimento de um livro que, inserindo-se no género memorialístico, em quase tudo foge às características que esperaríamos encontrar numas memórias de autor.

Referências

Coelho, Jacinto do Prado. A poesia de Teixeira de Pascoaes e outros escritos pascoaesianos. A educação do sentimento poético. Organização, revisão e fixação do texto de António Cândido Franco e Luís Amaro. Prefácio de Fernando Guimarães. Porto: Lello, 1999.

Franco, António Cândido. A literatura de Teixeira de Pascoaes. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2000.

Lopes, Silvina Rodrigues. O excesso por defeito — A escrita da memória em Teixeira de Pascoaes. In: Lopes, Silvina Rodrigues. Aprendizagem do incerto. Lisboa: Litoral, 1990. p. 175-195.

Morão, Paula. O Livro de memórias de Teixeira de Pascoaes. In: Morão, Paula. O secreto e o real: ensaios sobre literatura portuguesa. Lisboa: Campo da Comunicação, 2011. p. 97-108.

Ovídio. Metamorfoses. Tradução de Paulo Farmhouse Alberto. Lisboa: Cotovia, 2007.

Pascoaes, Teixeira de. Euridice e Orfeu. In: Pascoaes, Teixeira de. Verbo escuro. Porto: Renascença Portuguesa, 1914. p. 121-124.

Pascoaes, Teixeira de. Livro de memórias. Coimbra: Atlântida, 1928.

Pascoaes, Teixeira. Regresso ao Paraíso. Introdução de Agostinho da Silva. Lisboa: Assírio & Alvim, 1986.

Pascoaes, Teixeira de. O espírito lusitano ou o saudosismo. In: Pascoaes, Teixeira de. A saudade e o saudosismo. Compilação, introdução, fixação do texto e notas de Pinharanda Gomes. Lisboa: Assírio & Alvim, 1988. p. 43-58.

Pascoaes, Teixeira de. A sombra de Eurídice. In: Pascoaes, Teixeira de. As sombras. Lisboa: Assírio & Alvim, 1996. p. 88-89.

Pascoaes, Teixeira de. Eurídice e Orfeu. In: Pascoaes, Teixeira de. Senhora da noite/ Verbo escuro. Lisboa: Assírio & Alvim, 1999. p. 117-119.

Pascoaes, Teixeira de. Livro de memórias. Prefácio de António Cândido Franco. Lisboa: Assírio & Alvim, 2001.

Sá, Maria das Graças Moreira de. Estética da saudade em Teixeira de Pascoaes. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa, 1992.

Virgílio. As abelhas. Versão da 4.ª Geórgica de Nicolau Firmino. Lisboa: Académica de D. Felipa; Rio de Janeiro: H. Antunes, 1966.

Publicado
2019-01-31
Como Citar
RESSURREIÇÃO, J. O sujeito órfico no Livro de Memórias, de Teixeira de Pascoaes: lembrança, desejo e saudade. Veredas: Revista da Associação Internacional de Lusitanistas, n. 28, p. 62-72, 31 jan. 2019.
Seção
Artigos