[1]
L. Augusto da Silva, Ser-se estrangeiro: forjas (a)poéticas de desterritorialização, VAIL, nº 33, p. 16-30, maio 2021.