[1]
A. L. Dias, O bildungsroman como reparação: um estudo de Com armas sonolentas de Carola Saavedra, VAIL, nº 37, p. 176-186, set. 2022.