Signos da diáspora na formação da identidade cultural moçambicana: a palavra poética como lugar da diferença

  • Luciana Brandão Leal Universidade Federal de Viçosa
Palavras-chave: Virgílio de Lemos, diáspora, identidade, poesia, culturas

Resumo

Neste artigo, apresenta-se uma leitura dos poemas de Virgílio de Lemos com o objetivo de analisar os percursos diaspóricos propostos por esse escritor em diversos momentos de sua obra, para então situá-lo no cenário da moderna poesia moçambicana. Tais reflexões amparam-se no conceito de diáspora proposto por Stuart Hall (2011) e retomado por Prisca Agustoni (2013) que consideram os movimentos diaspóricos de pessoas, ideias e signos, não se limitando ao deslocamento físico.

Referências

Agustoni, Prisca. O Atlântico em movimento: signos da diáspora africana na poesia contemporânea de língua portuguesa. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2013.

Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

Hall, Stuart. Da diáspora: identidades e mediações culturais. Organização Liv Sovk. Tradução de Adelaine La Guardia Resende et al. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2011.

Leal, Luciana Brandão. Descolonizar a palavra: poesia moçambicana do século XX, 2021 (No prelo).

Leite, Ana Mafalda. Literaturas Africanas e Formulações Pós-Coloniais. Lisboa: Edições Colibri, 2013.

Lemos, Virgílio de. Ilha de Moçambique - a ilha é o exílio do que sonhas. Maputo: Amolp, 1999b.

Lemos, Virgílio. A invenção das ilhas. Organização e posfácio de António Cabrita. Maputo: Escola Portuguesa de Moçambique, 2009.

Lemos, Virgílio de. Negra Azul: retratos antigos de Lourenço Marques de um poeta barroco (1944-1963). Maputo: Instituto Camões - Centro Cultural Português, 1999.

Lemos, Virgílio de. Para fazer um mar. Lisboa: Instituto Camões, 2001. (Coleção Insularidades).

Lemos, Virgílio de. Jogos de prazer. Virgílio de Lemos & heterónimos: Bruno Reis, Duarte Galvão e Lee-Li Yang. Organização do volume e prefácio de Ana Mafalda Leite. Lisboa: Imprensa Nacional - Casa da Moeda, 2009.

Secco, Carmen Lúcia Tindó. Antologia do mar na poesia africana de língua portuguesa. Rio de Janeiro: Faculdade de Letras da UFRJ, 1999.

Secco, Carmen Lucia Tindó. Prefácio. Leal, Luciana Brandão. Descolonizar a palavra: poesia moçambicana do século XX. [2021]. 132 p. (No prelo).

Sovik, Liv. Apresentação: para ler Stuart Hall. In: Hall, Stuart. Da diáspora: identidades e mediações culturais. Organização Liv Sovik. Tradução de Adelaine La Guardia Resende et al.. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2011. p. 9-21.

Publicado
2021-07-28
Como Citar
LEAL, L. Signos da diáspora na formação da identidade cultural moçambicana: a palavra poética como lugar da diferença. Veredas: Revista da Associação Internacional de Lusitanistas, n. 35, p. 118-128, 28 jul. 2021.
Seção
Artigos